28/07/05

Palavras para um casamento...


Sábado vou fazer um casamento... Escrevi isto... Alguma sugestão?!

Congregados por Jesus… unidos nesta assembleia jubilosa estamos aqui, nesta Igreja, para tomar parte neste matrimónio Cristão! Não viemos apenas assistir…não viemos apenas para ver um espectáculo… como quando vamos ao cinema ou a um concerto qualquer… viemos participar…tomar parte… Viemos alegrar-nos e rezar por estes dois jovens que hoje unem as suas vidas pelos vínculos do matrimónio!
É para eles os dois que hoje quero falar de forma especial… Ana e e Carlos neste dia tão especial para vós quero dizer-vos apenas três coisas:
1º lugar- Quero alegrar-me convosco por terdes optado casar na Igreja e por terdes participado num curso de preparação para este momento que agora estais a viver! Cada vez mais se relativizam as relações…nada parece ser para levar a sério… Ainda bem que quisestes viver com intensidade este momento na Igreja, pedindo a bênção de Deus e partilhando a amizade com os vossos amigos!
Parabéns por terdes escolhido este caminho do matrimónio cristão, que, sendo exigente… é um caminho que construído conjuntamente conduzirá à felicidade… Ainda bem que quiseste vir iniciar a vossa caminhada em conjunto na Igreja pedindo a Deus auxilio para todas as dificuldades que concerteza, como todos os casais, tereis de ultrapassar…
2ª coisa – Precisais de nunca esquecer que o casamento é um edifício que deve ser reconstruído todos os dias… o casamento não é a meta de nada…! Para terdes um casamento verdadeiramente feliz é preciso que vos apaixoneis muitas vezes e sempre pela mesma pessoa. É preciso diariamente que a Ana encontre motivos no Carlos para se apaixonar e é preciso que o Carlos encontre na Ana motivos para se apaixonar!
O caminho da felicidade não está no fim da jornada, mas sim em cada curva do caminho que percorremos para a encontrar. Que nas curvas e contra curvas da vossa vida sempre consigais dizer que o amor não se conjuga no passado: ou se ama para sempre, ou nunca se amou verdadeiramente.
3ª coisa – queria pedir-vos duas coisas difíceis mas que não impossíveis de levar a cabo… Primeiro… nunca vos deiteis guardando no coração rancor um do outro! O rancor tem o condão de crescer depressa… Nunca termineis um dia sem resolver tudo aquilo que vos inquieta na vossa relação…
Outra coisa, que acho também fundamental para serdes felizes, neste compromisso que hoje assumis é o esforço por pensardes em conjunto todas as vossas opções. Ana esforça-te por dizer poucas vezes “eu penso”!…Carlos esforça-te por dizer poucas vezes “eu penso”…dizei, um e outro, muitas vezes nós pensamos!
Razão tem St. Exupery (o autor do livro o principezinho) quando diz que o amor não é olharem um para o outro mas sim olharem ambos numa mesma direcção.
Convido-vos a olhardes sempre na mesma direcção procurando sempre e acima de tudo fazer o outro feliz… A tua missão Ana é fazer o Carlos feliz e a tua missão Carlos é fazer a Ana feliz.
Termino oferecendo-vos uma recordação simbólica… uma mola de roupa…
Porque uma mola de roupa? Que sentido?
Dois pedaços de madeira!
Duas vidas que se cruzaram!
Dois pedaços de madeira unidos com uma finalidade!
Duas vidas unidas para formarem uma só!
Dois pedaços de madeira unidos por um sólido metal!
Duas vidas solidamente unidas…
…em e por Deus!
…no amor!
… na descendência!
Paz, prosperidade, saúde e alegria são os votos sinceros do
Diácono António Martins

12 comentários:

cabocla disse...

Os meus votos, vão para ti, António...para que durante a tua vida, consigas transmitir essa força e amor a todos os que de ti se aproximem, para realizar esse sacramento...que hoje está na moda...mas tão deturpado!!!
Espero que não seja só mais uns que se casam na igreja...porque é mais fotogénico...espero que o façam, conscientes do que isso representa espiritualmente...porque senão é simples perda de tempo e as tuas palavras...não serão interiorizadas!!!
Esperemos que haja um final feliz!
Beijinhos da cabocla

Pe. Tó Carlos disse...

Obrigado pela visita!

Catarina disse...

Olá!

Achei o teu texto muito bonito e bem fundamentado. O amor é realmente para renovar todos os dias. Como Deus recria continuamente a sua aliança connosco, assim nós devemos fazer para com o/a nosso/a companheiro/a de vida.

Gostava de compartilhar contigo uma parte da liturgia do meu próprio casamento (casei há 5 meses!). Quis que fosse inspirada na liturgia presente no livro de Leão Tolstoi, "Anna Karenina", que é Ortodoxa:

Benção do Pastor e Promessas dos Noivos:

Pastor: “Abençoa-nos Senhor”

Noivos:”Bendito Seja o nosso Deus, agora e para sempre”

Pastor:”Peço-te, Deus, que lhes tragas o perfeito amor, paz e auxílio”

”Deus eterno, que unes aqueles que estão separados, e os consagras a uma indossulúvel união de amor; Tu que abençoaste Isac e Rebeca e cumpriste as tuas promessas para com os seus herdeiros, abençoa estes teus servos Tó-Zé e Catarina, e guia-os no caminho da rectidão! Deus todo misericordioso, amante do homem, nós te louvamos! Glória seja dada ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, agora e para sempre”

Noivo:”Eu, Tó-Zé, venho neste momento, diante de Deus e dos homens, estabelecer uma aliança eterna contigo Catarina. Prometo amar-te e respeitar-te na saúde e na doença, na pobreza e na riqueza, na alegria e na tristeza. É contigo que quero passar o resto dos meus dias”

Noiva: Idem

(Os padrinhos entregam as alianças)

Pastor: ”O servo de Deus Tó-Zé está, pois, casado com a serva de Deus, Catarina”.

“Tu que desde o início os criaste macho e fêmea; através de ti a mulher está unida ao seu marido como co-adjutora e procriadora da raça humana. Por isso, Senhor nosso Deus, que enviaste a tua verdade aos teus herdeiros, e deste as tuas promessas aos nossos pais de geração em geração do teu povo escolhido, põe os teus olhos sobre os teus servos Tó-Zé e Catarina, e fortalece a sua união com fé e concordância em verdade e amor”

margusta disse...

Boa noite Tó, acho que o texto está muito bonito.
Penso que vai ser um dia muito emocionante e feliz para ti por unires duas pessoas no amor perante Deus.
Fica bem

Pe. Tó Carlos disse...

Obrigado pela visita... Farto-me de aprender convosco!

Rui Pinto disse...

Obrigado pelas palavras amigas.
Sendo músico, sinto-me mais perto dos Homens, mais em contacto comigo mesmo, e,dessa forma, de Deus. Por isso desejo que todos os que possam ser tocados pela música, possam de alguma forma sentir o mesmo. Esse é o objectivo do blog. Terei muito prazer em que participe sempre que queira. Pela minha parte, ficarei atento ao seu blog de hoje em diante. Só ainda não aprendi como se faz um link.
Cumprimentos, Maestro Rui Pinto.

margusta disse...

Tó preciso de uma palavra de conforto tua, hoje morreu uma tia que me era muito querida

Luz Dourada disse...

Gostei muito do post. É bom haver alguém como tu, tão sincero a explicar o amor. Concordo com tudo o que escreveste. Muito inspirador!
Há tempo assisti a um casamento onde o padre celebrante, altamente inspirado também, no fim disse a todos os presentes que esperava que tal como os noivos estavam a fazer o seu compromisso, pedia a assistência que também pensasse neles e rezasse por eles para que pudessem cumprir aquilo que estavam, naquele momento, a prometer um ao outro.E que, se soubessem que alguma coisa ia mal entre eles, nalgum momento, se prestassem a pedir a ajuda divina para aquela união. Este pedido fez-me pensar pois acho que raramente alguém pensa nesse recurso!esquecemos que também nós, os que desejamos bem a um casal, devemos pedir a Deus que os ajude a continuarem sempre a ser um verdadeiro casal. Eu, pelo menos, a partir desse dia, lembro-me daquelas palavras...

Cakau disse...

É tão difícil levar a sério o casamento, nos dias de hoje... Estimo que haja alguém que o faça.

Belas palavras. Sinceramente, tocaram-me.

Um beijo *

Pe. Tó Carlos disse...

Obrigado pela visita e pelas sugestões!

margusta disse...

Obrigada Tó pelas tuas palavras de conforto.
Que Deus te acompanhe sempre na tua caminhada.

margusta disse...

Tó mais uma vez obrigada.Adorei as frases, principalmente
" Morrer è apenas não ser visto"

Não tenho palavras...muito obrigada.

Fica com Deus .....e que ele esteja sempre comigo.