08/07/07

Sete Maravilhas Pessoais...

Foram esta noite divulgados os resultados das novas sete maravilhas do mundo… A maior maravilha são as pessoas por isso aqui apresento aquelas que considero ser as minhas sete maravilhas pessoais:

1- Saber que sou amado por Deus por isso vivo
2- Saber que tenho na minha família o meu porto seguro de abrigo
3- A certeza da amizade sincera de tantos
4- A alegria de poder ajudar de forma descomprometida
5- A grandeza do meu ministério
6- Saber que estou nas mãos de Deus
7- Todos os dias poder aprender e crescer na comunhão

E as tuas quais são?

9 comentários:

sonia farmaceutica disse...

Pe Tó Carlos,
gostei desta ideia! Vou também fazer uma gala para apresentar as minhas maravilhas pessoais no meu blog.
Bjs

elsa nyny disse...

Olha assim começo a ficar assustada...ahahahah!
Tinha pensando exactamente em fazer isto hoje... e passar como desafio...pronto se tinhas dúvidas em faze-lo, agora já não tenho!Senti-me deasfiada!!!

Amei as tuas sete maravilhas!!!

Beijinhos!!!

Anónimo disse...

São tantas as maravilhas, que iria ultrapassar as setenta vezes sete.
A maior!
O dom da vida.


R.I.

Anónimo disse...

Já aceitei este desafio no meu blog

Maria João disse...

Brevemente no meu blog... :)

beijos em Cristo

DairHilail disse...

são lindas as tuas maravilhas...vem ver as minhas...

Anónimo disse...

Desculpem lá... vocês são todos muito simpáticos mas não responderam à pergunta do senhor padre?!

Teodora

margusta disse...

Padre Tó carlos,
...tinha perdido o link para o teu blog :( graças á Elsa consegui encontrar-te de novo...
Lindas as tuas Maravilhas pessoais...São feitas de amor e entrega!...

como és o padrinho do meu blog( o primeiro homem a comentar), gostava de te ter por lá no meu segundo aniversário...

Beijinho amigo!

Luís disse...

Gostei!
Para dizer a verdade, me maravilhou! E subscrevo!
Mas, como acho a 6ª quase dentro da 1ª, apetecia-me sugerir empurrar a 7ª para cima e deixar em último lugar a Vida, o Universo, a Criação: Que são uma Maravilha de Deus (tal como o Homem). Que, embora não conheçam o seu Criador, nos falam dEle e nos desafiam a agradecer em seu nome, e a maravilharmo-nos perante esse Ser Infinito, que nos criou com sede (e fome) de infinito, porque à Sua imagem e semelhança nos criou.